AGEPEN-PB emite nota sobre caso ocorrido com Agente no Maranhão e lança campanha nacional

A AGEPEN-PB Associação dos Agentes Penitenciários do Estado da Paraíba emitiu uma nota sobre o caso ocorrido com uma colega de trabalho do Estado Maranhão. A associação paraibana considera o ‘uso excessivo da força’ para executar a prisão da mesma e, ao mesmo tempo, cria um levante nacional, denominado #somostodosadriana

Segue abaixo a nota da AGEPEN-PB:

A AGEPEN-PB Associação dos Agentes Penitenciários do Estado da Paraíba, exercendo a prerrogativa de defender de forma constante os direitos e interesses da categoria dos Agentes Penitenciários, repudia toda e qualquer forma de abuso de autoridade, seja ele qual for. É certo que o caso em questão, gera revolta em toda a categoria dos Agentes Penitenciários na Paraíba e em todo o Brasil.

Diante de fatos, vídeos e versões, acontecidos com a Agente Penitenciária Adriana, servidora pública do Estado do Maranhão, a AGEPEN-PB pede às autoridades de Segurança Pública daquela Unidade da Federação EXTREMO RIGOR na apuração do caso, que mais parece um suposto abuso da força e da autoridade, inclusive infringindo leis que garantem o mínimo de segurança para a categoria dos Agentes Penitenciários no seu local de trabalho, além de quebrar regras de boa convivência entre os vários profissionais da Segurança Pública no nosso país.

A AGEPEN-PB exige a apresentação de uma posição concreta,  esclarecendo, de uma vez por todas, se houve ou não o ABUSO DE AUTORIDADE.

Nós, da AGEPEN PARAÍBA, nos acostamos à AGEPEN BRASIL, para criar a campanha nacional #SOMOSTODOSADRIANA.

MARCELO GERVÁSIO (Presidente da AGEPEN-PB e Presidente de Honra da AGEPEN BRASIL)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *