Agentes penitenciários de BH, relatam que estão sendo ameaçados por fugitivos

Sede da Associação Brasileira dos Agente Penitenciários teve que fechar as portas

 
 DA REDAÇÃOA sede da Associação Brasileira dos Agente Penitenciários em Belo Horizonte fechou as portas nesta segunda-feira (24). O motivo, segundo o presidente da instituição, Carlos de Castro Pimentel, é que os agentes estariam sendo ameaçados pelos detentos que fugiram no último fim de semana da Penitenciária Nelson Hungria. Ao todo, oito presos conseguiram escapar por um buraco na parede, segundo informações dos próprios agentes penitenciários.

“Não tive coragem nem de aparecer na sede da associação. Estamos sendo fortemente ameaçados por detentos e tememos pelo pior. Queremos cobrar das autoridades que prendam logo esses criminosos”, disse Pimentel.

No fim da tarde, a associação soltou uma nota sobre o incidente. Abaixo, um trecho do texto;

“Com a drástica redução da segurança nas penitenciárias, são grandes as chances de vermos aumentadas os níveis de criminalidade no Estado e isso se tornou mais evidente ainda, com a fuga de 8 (oito) detentos de altíssima periculosidade da Penitenciária Nelson Hungria, colocando em risco toda uma sociedade mineira, que aliás, já se sente prisioneira, com a crescente criminalidade, que vem assustadoramente cerceando  um dos direitos primordiais elencado na “Constituição da República Federativa do Brasil” que o direito de ir e vir quando bem quiser  e porque não dizer no Brasil, pois se trata de uma epidemia nacional”.

Fonte: O TEMPO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *